PLANTEL 2014/2015

PLANTEL 2014/2015

segunda-feira, 30 de Junho de 2008

Saídas e Entradas II

Entradas:
Treinador - António Caldas (ex. SC Braga)
Guarda-redes Diego (ex. SC Braga)
Pizzi, Forbes, Sibidé, Rui Lopes, Philco, Abdou, Orlando Sá (ex. SC Braga)
Permanências:
Trigueira GR, Luís Faria DD, João Pica DC - DD, Paulo Rola DC, Costa MC, Renato MC, Adriano MC ME, Bruno Pereira, Tiago Silva AV, Josi, Leandro


Saídas:
Treinador - Lito Vidigal (Est. Amadora)
Pires (FC Vizela)
Nelson, Monteiro (Est. Amadora)
Bura (Portimonense)
Varela (Estoril Praia)
Luís Alberto (Estoril Praia)
Matos (Varzim)
Trigueira (Boavista)
Ricardo Jorge (Gondomar)

GD Ribeirão já tem treinador


António Caldas treina GD Ribeirão
Já está encontrado o sucessor de Lito Vidigal no GD Ribeirão. António Caldas é o nome do novo treinador dos ribeirenses. Caldas que na época passada treinou os juniores do Sporting de Braga e chegou até a orientar a equipa principal dos arsenalistas durante algumas jornadas. Agora assume novo projecto em Ribeirão.
Esta situação não está alheia ao protocolo assumido entre Ribeirão e Braga que prevê sobretudo a entrada de jogadores bracarenses no plantel ribeirense. Os custos dos ordenados de jogadores e equipa técnica serão comparticipados pelo Sporting Braga. Ainda assim, toda a gestão do clube fica a cargo da direcção do GD Ribeirão já que não se trata de ser um clube satélite dos arsenalistas.
Na terça-feira há mais novidades, em conferência de imprensa, numa altura em que os jogadores continuam a sair de Ribeirão. Luiz Alberto assinou pelo Estoril Praia.

quinta-feira, 26 de Junho de 2008

Pires assina pelo FC Vizela


O Vizela garantiu a contratação de Pires. O avançado, que brilhou no Ribeirão (27 golos), assinou ontem um contrato válido por 2 épocas, consumando-se um namoro de semanas e que Record antecipara. Pires interessava a vários clubes da Liga – Belenenses e E. Amadora, especialmente –, mas foi com os vizelenses que chegou a acordo após uma reunião que juntou os presidentes Adriano Pereira e Paulo Pinheiro (Vizela), o empresário Rui Neno e o próprio jogador.


Com muita pena dos adeptos ribeirenses, vemos partir uma pedra fundamental no ataque Azul e Branco, já era de esperar a sua saída, mas não pensei que fosse para um clube da Liga Vitalis, mas sim para um da 1ªLiga, resta-me desejar as maiores felicidades para o Pires e para o Vizela que fez uma grande aquisição.

segunda-feira, 23 de Junho de 2008

Protocolo entre o SC Braga e o GD Ribeirão

O actual Presidente do GD Ribeirão, Adriano Pereira, anúnciou hoje aos orgãos de comunicação social a possibilidade do Ribeirão fazer um protocolo de cooperação entre os dois clubes minhotos. Tudo porque o Ribeirão é cada vez mais visto como um excelente clube para formar e capacitar os novos atletas e os fazer dispultar para as Ligas profissionais de futebol. A este acordo ser assinado, vai trazer para o Passal além de jogadores da formação do SC Braga, também a equipa técnica.
Protocolo com o Ribeirão
Os minhotos vão assinar amanhã (1 de Julho) com o Ribeirão um protocolo de parceria, numa cerimónia que contará com as presenças de António Salvador e Adriano Pereira, respectivamente líderes do Sp. Braga e do Ribeirão.
O protocolo inclui a cedência de jogadores por parte dos bracarense. António Caldas será ainda o treinador do Ribeirão.

sábado, 21 de Junho de 2008

Possiveis Reforços?!

A pedido dos frequentadores do blogue, aqui fica um post sobre uma lista de potênciais reforços para o GD Ribeirão:
João Cruz e Vitor Hugo(Oliveirense),Orlando Sa(M.Fonte),Pedro Fontes(Tirsense) Lico (A.Valdevez) Ruben(junior Braga), Idalécio, Reguila e Edu Sousa (Trofense), Cacheira,Ruben e Ricardo Jorge (Leixões), João Pedro (Gil Vicente), Oliveira (UD Oliveirense), alguns juniores do FC Porto, Clemente e Bamba (Chaves)

Assembleia Geral do GD Ribeirão

Esta sexta-feira (20 de Junho), o GD Ribeirão realizou uma Assembleia Geral com vista à apresentação de listas candidátas à Direcção para a época 2008/2009. Contudo não houve nenhuma lista a apresentar-se, sendo constituída uma comissão administrativa, com o fim de constituir uma nova direcção, o grupo é composto por 3 pessoas, são elas o actual Presidente Adriano Pereira, o Presidente da AG José Dias e o Presidente da Junta José Reis, que vão tentar até à próxima AG, marcada para daqui a duas semanas, encontrar elementos para constituir uma nova direcção. de referir que o actual Presidente afirmou que "o Ribeirão não ficará num vazio directivo, enquanto eu cá andar", tudo aponta que será de novo o lider dos ribeirenses mas que terá uma nova direcção.

sexta-feira, 20 de Junho de 2008

Modelo da 2ª divisão é uma vergonha

O presidente do Sporting da Covilhã, José Mendes, teceu ontem duras críticas aos responsáveis da Federação Portuguesa de Futebol, pelo modelo competitivo em que esta época se disputou a 2.ª Divisão. A equipa serrana subiu à Liga Vitalis, mas Mendes diz sentir a mágoa dos dirigentes do O. Moscavide e do Ribeirão, afastados no playoff de subida. “Este campeonato, assim, é uma vergonha, é um campeonato do Terceiro Mundo. Foi uma injustiça tremenda o que aconteceu ao O. Moscavide, e quem devia estar no lugar do presidente do Olivais eram os senhores Gilberto Madaíl e Amândio de Carvalho, para saberem o que é sofrer e ver o resultado de dez meses de trabalho e suor ser definido em dois jogos.”José Mendes acha, aliás, que os referidos dirigentes só têm uma solução: “A única saída é demitirem-se. O futebol não profissional está muito mal e para a FPF não vai a lado nenhum. A Federação só se preocupa com a selecção.”O presidente covilhanense acrescenta que, apesar de o seu clube ter ascendido ao escalão profissional, estará ao lado dos emblemas da 2.ª Divisão que quiserem reunir-se para exigir a alteração do modelo competitivo. Recorde-se, aliás, que a Liga Não Profissional já fez à FPF uma proposta nesse sentido.
Vários clubes da II Divisão de futebol consideram "injusto" e "absurdo" o actual modelo competitivo, por não traduzir a verdade desportiva e provocar "encargos difíceis" com as deslocações às regiões autónomas. José Caldeira, presidente do Olivais e Moscavide, disse à Agência Lusa que o modelo competitivo que vigorou esta temporada na II Divisão, com quatro séries de 14 clubes, e o que será adoptado na época de 2008/09, em quatro séries de 12 clubes cada, "não traduz a verdade desportiva". "Fizemos 89 pontos no conjunto de todos os jogos. Em qualquer parte da Europa, quem faz este percurso, tem de subir de divisão", sublinhou José Caldeira, lamentando ter perdido essa possibilidade nos penáltis. "Alguém ouviu algum treinador, jogador ou dirigente dizer que este é um modelo aceitável?", questionou o presidente do Olivais e Moscavide, respondendo que o quadro competitivo "serve apenas os interesses das Associações, porque quanto mais jogos houverem, mas receitas têm".


Proposto regresso às três séries
LIGA NÃO PROFISSIONAL VAI APRESENTAR IDEIA

Este cenário confuso, após a última jornada da Fase de Permanência da 2.ª Divisão, poderá facilitar novas alterações no formato da competição: Record sabe que a Liga Portuguesa de Futebol Não Profissional se prepara para propor, em assembleia geral extraordinária da FPF, o regresso ao formato de três zonas para a 2.ª Divisão, Norte, Centro e Sul, com as 48 equipas apuradas. Nesta situação, os clubes das ilhas seriam colocados num ano no Sul, no outro no Centro, e assim sucessivamente. O objectivo é reduzir o número de viagens às ilhas – de 135 para 62 –, indo ao encontro dos interesses do Governo, que pretende reduzir as despesas com os subsídios para estas viagens. Mesmo se os clubes das ilhas forem distribuídos pelas três zonas, o número de viagens é reduzido para 95.Outro dos objectivos da Liga Não Profissional é que os primeiros classificados das três séries possam subir directamente à Liga de Honra. A proposta tem em vista já a próxima época.

Saídas e entradas

Como não podia deixar de ser, temos de falar das saídas e entradas de jogadores e equipa técnica do nosso grande clube. Como já todos sabemos a nossa equipa técnica, chefiada por Lito Vidigal está de malas e bagagens para a Reboleira,onde na próxima época irão orientar o Estrela da Amadora, e pelos vistos não vão sós e consta-se que Lito Vidigal irá levar consigo o lateral esquerdo Nelson e o defesa central Luís Alberto.
Quanto ao nosso goleador Pires, depois de apontar 27 golos no campeonato e ter realizado excelentes exibições com o emblema do Passal, tudo indica que saíra para um dos clubes da zona "euro" do nosso campeonato maior. (O avançado Pires está mais longe da Reboleira. O Ribeirão pede 40 mil euros pela transferência, enquanto o representante do jogador exige 100 mil euros.)
Outros há que voltaram aos seus clubes de origem como é o caso do Monteiro (FC Porto), do Ricardo Jorge (Leixões).
Pedro Moita poderá ser jogador do Feirense na próxima temporada.O extremo, que se encontra em final de contrato com o Ribeirão, foi contactado para assinar pela equipa agora orientada por Francisco Chaló, mas adiou uma resposta para quando terminar a fase final da 2.ª Divisão.Com 28 anos, Pedro Moita foi formado no Estarreja, passou por P. Ferreira, Sanjoanense, AEK Larnaca (Chipre) e Leixões, até chegar ao Ribeirão.
O guardião Matos vai representar o Varzim nas próximas duas épocas.
Diz-se também, mas não há ainda nada em concreto da saída do Bura para o Portimonense.
Quanto às permanências eu apostaria em vários jogadores:Varela, Tiago Silva, Bruno Pereira, Picas, Leandro, Paulo Rola, Renato, Costa, Benta.
Quanto à equipa técnica, não sei ainda de nada, mas para mim terá de ser uma equipa com experiência de 2ªdivisão e que coloque a equipa a jogar um futebol alegre.

terça-feira, 17 de Junho de 2008

O que dizem os Jornais

Ribeirão falha subida à Divisão de Honra
15-Jun-2008
O GD Ribeirão, que fez uma época brilhante, perdeu a oportunidade de subir à Divisão de Honra, ao ser derrotado, 1-2, pela UD Oliveirense.
Depois do empate, 1-1, no primeiro jogo, o Estádio do Passal recebeu, este domingo, a grande final, enleada por uma massa adepta vibrante que viu um jogo competitivo, disputado e equilibrado. A vitória esteve, afinal, nos detalhes. O primeiro golo aconteceu perto do intervalo, aos 43 minutos, num canto directo marcado por Oliveira, uma das grandes referências da equipa de Oliveira de Azeméis. Na segunda parte, a equipa de Lito Vidigal tentou o tudo por tudo mas, o seu adversário, contido sobre o meio campo, espreitava o contra-ataque e seria assim que marcaria mais um golo. O Ribeirão continuou a lutar, por vezes mais com com o “coração” do que com a “cabeça”, mas reduziria o marcador, aos 78 minutos, por intermédio de Pires. Faltavam ainda 15 minutos e tudo estava em aberto, mas os visitantes fecharam bem os caminhos para a sua baliza, selando a vitória.Resta uma palavra de homenagem a todos (dirigentes, equipa técnica, jogadores e massa associativa) porque, apesar de tudo, o Ribeirão, que nunca foi inferior ao seu adversário, mostrou ser digno da subida de divisão. Assim não quis o destino… e a UD Oliveirense.



in Jornal Cidade Hoje



Final (In)feliz por y31
2008-06-16 18h59m
Depois de vencer de forma surpreendente e simultaneamente justa a série A da II divisão, o Ribeirão não conseguiu aproveitar o factor casa para garantir a subida á Liga Vitalis.Uma coisa é certa: de todas as equipas da II divisão, a Oliveirense já merecia a subida á vários anos.Lembro-me perfeitamente de há dois anos atrás quando o "meu" Lousada foi injustamente eliminado nos pénalties, a Oliveiorense também estava nos play-offs e acabou por ser eliminado pelo Olivais e Moscavide.O treinador da Oliveirense disse que foram 11 meses de trabalho, mas acho que há mais de 11 meses que mereciam subir.Quanto ao Ribeirão, que nesta 2ª fase, conseguiu a proeza de ganhar todos os jogos em casa e de vencer por uns claros 0-3 a equipa do Chaves, "morreu na praia".Caros camaradas do Ribeirão, eu sei como se sentem, pois já passei pelo mesmo.Para uma equipa como o Ribeirão, que inicialmente, tinha objectivos de manutenção, consegue o apuramento de forma justa para a fase seguinte e nessa fase, venceu a série, onde existiam clubes de grande valor. O Ribeirão soube fazer o que todos diziam que iriam fazer e não fizeram: ganhar os seus jogos.Claramente que o Ribeirão foi a única equipa que foi regular nos seus jogos nesta 2ª fase e foi por isso que mereceu a vitória na série.O Chaves foi a única equipa que tentou importunar o Ribeirão nesta "2ª fase imponente", mas a derrota caseira por 0-3 e a vitória final em casa por 1-0, foram fundamentais para o Ribeirão conseguir assegurar o título de Porém, o pior poderá estar para vir. Graças á excelente campanha do Ribeirão esta época, muitos clubes, dos mais diversos campeonatos estão de olhos nos jogadores do Ribeirão e manutenção dos mesmos vai ser uma tarefa quase impossível.Lito Vidigal está de saída para o E. Amadora e poderá levar algum jogador consigo; Bura irá sair para o Portimonense e Monteiro irá regressar ao seu clube de origem.Para além dos mencionados, há o caso do Pires que muito dificilmente ficará em Ribeirão na próxima época, entre outros jogadores que estarão na mira de outros clubes.Quando o Lousada "morreu na praia" o plantel saíu quase todo, ficando apenas 3 ou 4 jogadores e na época seguinte ao título, ficamos um lugar acima da linha de água com os mesmos pontos da equipa que desceu (Famalicão).Mas apenas são suposições e hipóteses. Nada é concreto, mas é possível.Gostava por fim de dar os meus parabéns aos adeptos do Ribeirão que foram fundamentias para o sucesso da equipa e desejar boa sorte á Oliveirense na Liga Vitális.

Saudações a todos!




in site ZEROZERO




Oliveirense garante subida


VITÓRIA POR 2-1 NO TERRENO DO RIBEIRÃO
A Oliveirense venceu o Ribeirão por 2-1 e garantiu a subida à Liga Vitalis.Depois do empate em casa na primeira mão (1-1), a equipa de Oliveira de Azeméis venceu fora a turma de Lito Vidigal, que vai treinar o Estrela da Amadora na próxima temporada.




in Jornal a Bola

O Sonho Terminou


O GD Ribeirão recebeu no passado domingo, dia 15 de Junho, no estádio do Passal a UD Oliveirense e perdeu por duas bolas a uma.


Depois de uma ausencência do país em virtude das férias, aqui estou eu para comentar o afastamento do Ribeirão do acesso à Liga de Honra.
Foi um jogo de nervos e onde a equipa do GD Ribeirão nunca se conseguiu encontrar no jogo e onde não soube mostrar o seu futebol que havia praticado até ao momento na 2 divisão, como tal, foi a equipa forasteira quem melhor se saiu deste confronto, conseguindo se adiantar no marcador aos 43 minutos por intermédio do capitão Oliveira na sequência de um pontapé de canto, fazendo desta forma o resultado no final do 1ª tempo.
Na segunda parte o treinador do Ribeirão fez alterações,mas em nada alteraram o desenrolar da partida, e aos 65 minutos voltaria a ser a Oliveirense a marcar na partida por intermédio de Godinho num lance de contra ataque concluído da melhor forma, aos 80 minutos o Ribeirão reduzia por intermédio de Pires mas já nada se alterou na partida e saiu vencedor a equipa da Oliveirense, alcançando assim o acesso à II Liga, sendo o justo vencedor das duas mãos de acesso à Liga de Honra, uma palavra para o Pair Play que se verificou sempre nos dois jogos disputados entre ambas as equipas e que demonstaram ser duas excelentes equipas com capacidade para acederem ao escalão superior, pena que a Federação Portuguesa de Futebol não entenda que os vencedores de séries não acedam ao escalão seguinte, após terem vencido as suas respectivas séries, enfim um desabafo de quem saiu derrotado, mas que o iria fazer caso também fosse o vencedor.

Parabéns aos vencedores e honra seja fieta aos vencidos que também mostraram ser excelentes profissionais.

Uma palavra de apreço para toda a comunicação social do concelho que acompanhou o GD Ribeirão durante a época que agora terminou, em especial para o locutor da Rádio Cidade Hoje, o Oliveira Gião, que foi durante toda a época os "meus olhos", nos jogos que não assisti.

Para finalizar uma palavrinha à equipa técnica, jogadores e directores do GD Ribeirão, parabéns pela excelente época que realizaram e pela alegrias que deram às gentes de Ribeirão,pois souberam sempre dignificar e honrar o nome de Ribeirão.



Excerto do Hino do Ribeirão:

...erguer num hino altivo,

o nome de Ribeirão...

...Na derrota ou na vitória,

estaremos sempre contigo!


Desportivo, desportivo,

desportivo de Ribeirão!

Com coragem e ardor,

serás sempre o Campeão!

sexta-feira, 13 de Junho de 2008

Jogo de Campeoes!




Esperamos todos nós ribeirenses que os nossos jogadores façam história neste próximo Domingo, será uma grande festa, mas se tal nao acontecer acredito que nao iremos ficar mal de maneira alguma, pois já deixamos bem gravado o nome de Ribeirao nas páginas da história do futebol em Portugal, soubemos honrar e dignificar o nome da nossa Terra e mostramos aos outros que é possivel e que devemos Acreditar que é sempre possivel alcançar os nosso objectivos

segunda-feira, 9 de Junho de 2008

Empate moralizador

UD OLIVEIRENSE 1 - 1 GD RIBEIRAO
Este Domingo (8 de Junho) O GD Ribeirao deslocou-se a Oliveira de Azemeis onde defrontou a equipa local e onde se registou um empate a uma bola no final do jogo. Salientar a excelente moldura humana dos adeptos ribeirenses que acorreram em massa para apoiar a equipa rumo ao Acreditar de um Sonho chamado II Liga.
Nao foi um grande jogo de futebol mas o resultado aceita-se,so nao sei se o penalti da Oliveirense é penalti...nem com imagens da famatv dá para ver se é ou não...em Ribeirão domingo acredito que o jogo vai ser muito diferente e que o Ribeirão vai ganhar...nao vi nada de especial na equipa da Oliveirense a não ser no capitão de equipa...
O golo da equipa Ribeirense foi apontado pelo Monteiro aos 61m.
É só isto que posso dizer do jogo visto que estou bem longe de Portugal, mas com o Ribeirao no coraçao.
Acredito que no próximo jogo em casa os ribeirenses irao dar mais uma prova do seu excelente campeonato e demonstrar todo o seu real valor, pois sao jogadores com muita qualidade, nao fosse o facto de alguns deles já estarem confirmados nos planteis da I Liga e outros virem a seguir os passos. De recordar que o Ribeirao nao perde em casa há muitos meses e só tem vitorias todos os jogos em casa na disputa da serie de subida.
Força Ribeirao!
Eu Acredito!
NÓS ACREDITAMOS!!!

terça-feira, 3 de Junho de 2008

segunda-feira, 2 de Junho de 2008

Sonhar e Acreditar!



Jogo onde os homens do Passal, vao concerteza continuar a sonhar, pois o homem quando sonha está mais perto de alcançar os seus objectivos, como disse o nosso amigo comentador da Rádio Cidade Hoje.
Quanto ao jogo espero que seja um jogo de festa e alegria e onde as massas associativas dos dois clubes saibam tal como as equipas o sao justos vencedores e campeoes. Infelizmente por um lado e felizmente por outro nao vou poder ir a Oliveira de Azemeis porque me encontro de férias na Republica Dominicana, no entanto estarei atento ao relato da Cidade Hoje e aos comentários no Blog do zerozero. Boa sorte ribeirenses, estou longe mas sempre perto a apoiar da maneira que posso o nosso grande Ribeirao.

Força e maturidade de CAMPEÃO!


Este domingo (1 de Junho) o GD Ribeirão recebei e venceu o GD Chaves por uma bola a zero, na última partida da série de subida, alcançando o 1º lugar e o acesso ao play off que se vai disputar a duas maos com a UD Oliveirense já no próximo fim de semana, primeiro em Oliveira de Azemeis e depois na Vila de Ribeirão.

Estádio do Passal repleto de publico, a apoiar as duas equipas, um ambiente de festividade total.
Quanto ao jogo, começou por ser uma partida dividida, mas onde o Ribeirão quis mais que jogar um jogo bonito e aos 32 minutos da 1ª parte chegaria à vantagem no marcador por intermédio do inevitável Pires, após a cobrança de um pontapé de canto, que surgiu na sequência de um livre apontado por Nelson, foi o golo da Esperança do deixar Sonhar de todos os ribeirenses e Acreditar que é possivel o Ribeirão ir mais além. Apartir deste momento o Ribeirão ficaria uma equipa mais tranquila e mais madura e não deu qualquer hipotese aos homens de trás os montes para chegarem à baliza há guarda de Matos, e assim terminou a 1ª parte.

No segundo tempo o jogo continuou repartido, mas os ribeirenses através de rápidos contra ataques poderiam ter dilatado o marcador, mas tal não veio a verificar, estou a lembrar por exemplo ao terminar da partida a perdida de Moita que após um rápido lance de ataque dos homens de Lito Vidigal, atirou a bola ao poste após já ter passado pelo gaudião forasteiro.

Vitória justa da equipa mais madura em campo e a equipa que soube ter mais audácia e crer de vencer o jogo e o campeonato, por isso gigo que o GD Ribeirão é um justo Campeão da Série A da 2ªdivisão Nacional da època 2007/2008, onde começou bem lá em baixo e terminou no merecido e honrosso 1º lugar, onde muitos não acreditavam ser possivel, vencendo contra tudo e contra todos, clubes que são sedes de concelho e até mesmo representantes de Arquipélago, numa luta de David contar Golias, onde o Ribeirão venceu toda a concorrência, não deixando dúvidas de ser um justo Vencedor. Parabéns aos jogadores, equipa técnica, directores e massa associativa.

Uma palavra de louvor e de parabéns à massa associativa do Chaves pelo desportivismo e uma palavra ainda maior para os adeptos e simpatizantes do Ribeirão que demonstraram mesmo antes do início da partida o seu apoio ao clube através de um grande cordão humano que encheu por completo a Av. 3 de Junho, para saudar e receber os atletas que envergam as cores do clube da nossa Vila, e que aplaudiram e apoiaram a equipa do 1º ao último minuto.

SOMOS CAMPEÕES, CAMPEÕES!


DESPORTIVO,DESPORTIVO,

DESPORTIVO DE RIBEIRÃO,

COM CORAGEM E ARDOR,

SERÁS SEMPRE O CAMPEÃO!!!
OBS: Quem tiver fotos e videos do jogo envie para pedrarubi@hotmail.com, fico desde já agradecido. Vamos tornar o nosso clube, um clube de prestigio.